NTN ALERTA PARA FALSIFICAÇÃO DE ROLAMENTOS

31/01/2020

 

Valores muito abaixo dos praticados pelo mercado, recusa de emissão de nota fiscal discriminada, produto sem embalagem original são algumas das características que podem chamar a atenção para produtos falsificados ou popularmente conhecidos como "piratas".

 

As autopeças são um dos maiores alvos para os falsificadores. A aplicação de um rolamento falsificado por exemplo, pode, além de causar sérios danos materiais, desgaste prematuro de peças e sistemas, custos desnecessários com manutenção e retrabalho, além de pôr em risco a vida dos ocupantes do veículo e quem mais estiver por perto.

 

Apesar dos produtos falsificados poderem apresentar similaridade com o original NTN-SNR, sua qualidade, segurança e durabilidade são duvidosas e não seguem os padrões exigidos pelas certificações ISO9001, ISO14001 e a IATF16949, exigidos pelas principais montadoras do mundo para fornecimento de peças para o mercado original que a empresa possui. Todos os produtos da marca são fabricados com tecnologia de última geração e materiais premium.

 

Vale lembrar que a marca possui mais de 100 anos de tradição na fabricação de rolamentos de rodas e ressalta que 7 em cada 10 modelos de veículos fabricados no Mercosul utilizam rolamentos originais NTN-SNR, com cobertura de atendimento em todo o território nacional.

 

A NTN-SNR ressalta que é associada ao WBA (World Bearing Association) que visa auxiliar na identificação e controle de rolamentos falsificados, contando com especialistas altamente capacitados para identificar esses itens.

 

Para dúvidas ou denúncias sobre a autenticidade, o contato deve ser feito através do denuncia@ntn.com.br, para aplicação de produtos e sobre a instalação do catálogo envie um e-mail para o mailto:marketing@ntn.com.br e para novos produtos e soluções oferecidas pelo Grupo NTN acesse www.ntn.com.br

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

Leia a versão digital de Janeiro da Revista Reparação Automotiva.

21/01/2020

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload