O que foi a Automec 2019, segundo quem esteve na melhor edição de todos os tempos

23/05/2019

 

Profissionais, executivos e consultores da reparação automotiva comentam o que foi destaque na 14.ª feira internacional de autopeças, equipamentos e serviços

 

Nesta edição, a Automec bateu recorde não apenas no número de visitantes, mais de 75 mil pessoas foram à feira ao longo de cinco dias, como também no número de expositores, com mais de 1.500 marcas nacionais e internacionais presentes, segundo balanço da Reed Exhibitions Alcantara Machado, empresa responsável pela organização do evento em 2019.

 

Um dos pontos altos foi a Automec Experience, espaço em que foram apresentadas diversas palestras e workshops em uma Área de Conteúdo e Capacitação, com a participação das entidades e de renomadas fabricantes do setor automotivo. Para se ter uma ideia, foram mais de 4 mil horas de conteúdo nas áreas de experiências e a participação de cerca de 62 mil profissionais do setor. 

 

Em números, as rodadas de negócios nacionais e internacionais somaram R$ 77 milhões, e a Automec ocupou todos os espaços dos 8 pavilhões do São Paulo Expo. Foi o momento dos visitantes terem a oportunidade de se depararem com o que já há e o que está por vir, as novas tecnologias e também de se relacionarem e trocarem experiências. E são exatamente os profissionais que estiveram na feira que contam esta vivência.

 

DEPOIMENTOS DE REPARADORES

 

“Eu vi que as fábricas e as empresas, fornecedores de peças, ferramentas, scanners e softwares, estão investindo pesado para cada vez mais atrair o reparador como seu parceiro. A tecnologia e o desenvolvimento estavam bem presentes, creio que superou as expectativas de todos que ali estavam, e também notei uma organização maior do evento. Foi ótimo para reencontrar antigos amigos e conhecer diversos novos que as redes sociais nos proporcionam. Pena que o evento aconteça a cada dois anos”, Bruno Rodrigo Costa, da Juca Bala Racing, de São Paulo (SP)

 

“Foi a maior Automec que eu já fui, fiquei impressionado com a quantidade de marcas e expositores. Foi ótimo fazer contato com as marcas que usamos na oficina e apresentamos no canal, além de conhecer as novidades do mercado para oferecermos aos clientes. A área Automec Experience também foi muito interessante com as palestras e a parte prática do nosso trabalho. Foi muito bom ver a quantidade de pessoas que visitaram a feira e se interessaram em estar se aperfeiçoando mais na nossa área de trabalho”, Ricardo Chiarato, do canal Dr. Auto Mecânica

 

 

“Gostei das novidades na parte de equipamentos. Antigamente, víamos muito a parte de ferramental na Automec para as oficinas, a cada edição isto está diminuindo, e o que vemos são muitas peças e pouco ferramental. Acho que com a junção das linhas leve e pesada a feira ficou muito grande, são muitos expositores, o que é impraticável vermos tudo o que queríamos. Acho que isto precisa ser revisto. Mas posso dizer que aproveitei bastante a feira deste ano”, Alessandro de Souza (Kiko), da Bosch Car Service Tecnocar Mecânica, de Brusque (SC)

 

 

“A Automec foi o momento de encontramos pessoas que nos seguem pelas redes sociais, ela teve ótimos acontecimentos, como a Arena Influenciadores. Para mim foi muito produtivo, pois além das pessoas conhecerem mais o nosso trabalho, na palinha da palestra, outros parceiros viram e entenderam o nosso negócio e já estão surgindo novas parcerias para nós”, Bárbara Brier (à esquerda), da Oficina Amiga da Mulher, de Belo Horizonte (MG), empresa de treinamento e consultoria 

 

 

 

“Ficamos felizes por participarmos do maior evento de reparação automotiva da América Latina, pois é lá que encontramos várias possibilidades de aumentarmos as parcerias com fabricantes de peças de qualidade e conhecer novas ferramentas, tanto de uso como de diagnóstico. Sem contar os amigos das redes sociais que pudemos encontrar e nos conhecermos pessoalmente. Sem palavras para estes momentos!”, Eduardo A. Silva, da Tagma Car Service, de Osasco (SP) 

 

“São vários os elogios para a Automec, a começar pela organização da feira. O que me chamou a atenção foi a quantidade de novos fabricantes expondo e muitas empresas preocupadas com o reparador, e isto ficou notório com as palestras. Também vi um profissionalismo muito grande de muitas empresas na abordagem ao público e muitas coisas novas, como os scanners e a interatividade mais presente nos veículos”, Roberto Turatti (Billy), da Invest Auto, de Balneário Camboriú (SC)

 

 

“Gostei muito da Automec, foram muitas novidades em relação à tecnologia,  equipamentos e ferramentas. Todos os reparadores que levei para a feira se identificaram, fizeram aquisições de produtos, ela também é uma oportunidade para atualizarmos os nossos equipamentos. Eu sempre digo aos reparadores que “precisamos ver onde estávamos, onde estamos e aonde precisamos chegar”, José Luiz Guimarães (à direita), da ABC da Mecânica, do Rio de Janeiro (RJ)

 

“Vimos as empresas querendo firmar parcerias, foi uma Automec cheia de novidades. Destaco o sistema de radar que chegou neste ano, o assistente de faixa e também a máquina de limpeza dos bicos injetores GDI, uma novidade bem legal do setor. Há muitas coisas chegando por aí, na parte de equipamentos de injeção e de ferramental de mão. Para mim foi uma feira muito próspera, com muitas parcerias fechadas ”, Nilson Patrone, da Power Class, de São Bernardo do Campo (SP)

 

 

 “A Automec teve muitos visitantes fazendo negócios, network, o que mostra que os reparadores acreditam em um futuro melhor, procurando investir e melhorar os seus serviços por meio da compra de novos equipamentos. A feira trouxe muitas marcas novas, o que reflete a visão que o pessoal de lá fora tem em relação ao nosso País. Eu também investi em coisas que já vínhamos planejando, fiz bons negócios e boas parcerias”, Thiago Dotta, da Medcar Serviços Automotivos, de Cascavel (PR)

 

 

 

“Foi a primeira vez que participei de uma Automec, tive a oportunidade de encontrar pessoas que vieram de vários lugares e até da Argentina para me conhecer. Ela é onde podemos encontrar tudo, em um único lugar. Mas tenho algumas críticas a fazer, como o acesso à feira, e achei difícil encontrar o local informativo da localização dos estandes. E pela quantidade de expositores, acho que a feira deveria ter mais dias”, Willyam Taufner (à frente),  Administrador do Grupo Mundo dos Mecânicos

 

 

 

 “O que mais gostei foi o contato com os sistemistas para obter informações técnicas sobre produtos. Também a Automec é um momento de network, é importante encontrarmos as pessoas para conversarmos. Como hoje ela está mais voltada para grandes negócios, acredito que o que mais se aproximou do mecânico foram os estandes de equipamentos de eletrônica, com a presença de todos os fabricantes”, Alberto Martinucci Jr. (à esquerda), da Motorfast, de São Paulo (SP)

 

 

“Fui a todas as edições da Automec, mas neste ano eu fui trabalhando na Escola do Mecânico e no estande da MTE-Thomson. Destaco a quantidade de palestras técnicas que as fábricas disponibilizaram para o público. Como a ZF, com um grande cronograma de palestras; a Schaeffler, com um simulador de realidade mista; e a MTE-Thomson, que ofereceu mini palestras com especialistas que ministram cursos na Oficina do Saber”, Sérgio Ricardo Ferreira dos Santos, da SR Motors, de Jundiaí (SP)

 

 “O que achei mais interessante na Automec desta edição foi a parte de equipamentos de diagnóstico, com marcas novas e marcas importadas participando da feira. No mais, eu não vi muitas novidades nos estandes, mas a gente sempre absorve alguma coisa”, Ricardo Tatiyama, da ABC Freios, de São Caetano do Sul (SP)

 

 

ENTIDADES / CONSULTORES

 

 “Fizemos o 2º encontro da aliança da América do Sul para criarmos uma agenda comum e assim podermos trabalhar juntos em temas importantes para a reparação de veículos. Entre as pautas, vamos defender o direito de obtermos acesso a dados dos carros e também queremos estabelecer uma nova forma de comercializar peças de veículos de seguradoras, que, atualmente, só pode ser feita diretamente pelas companhias de seguro”,  Antonio Fiola, presidente dos Sindirepas SP e Nacional

 

 

 “O que eu achei mais top na Automec foi o espaço Experience, com o ambiente de palestras abertas. E por parte das indústrias, eu percebi uma inovação na montagem dos estandes, com espaços mais abertos, o que proporcionou um relacionamento melhor entre os representantes das fábricas e o público, uma multi-interação. As fábricas perceberam que elas vão para o evento para interagirem, para trocarem informações”, José Carlos Alquati, consultor Especialista em Reparação Automotiva

 

 “Gostei  de ver lançamentos que eu esperava para o longo do ano, o que mostra que as indústrias estão trazendo isto mais rapidamente, como a Delphi, com uma linha de velas; a  Mann+Hummel com novos filtros e a Dayco, com a correia de engrenagem de dois lados Double Sided. Fiquei empolgado em ver a Feira movimentada, onde foram realizados negócios e só não foram mais porque ela há tempos perdeu o viés de ferramental e passou para peças”, Celso Mattos, presidente do Sindirepa-RJ

 

 

“Meu depoimento dessa vez não é apenas como expectador ou visitante, mas sim por ter feito parte desse grande evento que é a Automec. Quando aceitei o convite de fazer parte da Arena Influenciadores, uma iniciativa entre a organização da mostra e quatro grandes fabricantes como Riosulense, Tecfil, Hipper Freios e Bastos Juntas, em parceria com um dos maiores Youtubers do momento, Dr Carro, pude perceber a grandeza por trás desse tipo de evento. O fato de a Arena estar sempre com lotação máxima expôs um fato extremamente relevante que deve ser considerado. O público está ávido por Informação. E poder atender a essa demanda foi justamente o grande diferencial dentre todas as edições da feira. As peças e produtos expostos deram lugar a algo muito mais valioso – o compartilhamento de conteúdo. Algo trazido diretamente do Mundo virtual para o contexto real, onde a troca de experiências entre profissionais teve um local dedicado, sem filtros. De certo, esse modelo acaba de garantir seu espaço na maior mostra de autopeças da América Latina e não poderia ter estreado em um local mais propício”, Alexandre Costa, diretor da Alpha Consultoria

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

Leia a versão digital de Novembro da Revista Reparação Automotiva.

18/11/2019

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload