Motorservice International GmbH lança 30 sensores de temperatura dos gases de escape para atender 1.400 modelos de veículos na Europa

13/09/2018

 

 

A MS Motorservice International GmbH amplia portfolio de produtos na área de sensores. Divisão da Rheinmetall Automotive especializada em peças de reposição, a MS Motorservice International GmbH lança sensores de temperatura dos gases de escape para o mercado de reposição. São 30 produtos novos para cobertura de cerca de 1.400 tipos de veículos.

 

Os novos sensores de temperatura dos gases de escape da Motorservice oferecem  funcionalidade confiável e apresentam resistência a temperaturas que variam  da faixa de - 40° a+ 1000 °C, com precisão e tempo de resposta breve graças aos seus resistores em platina de camada fina. Além disso, os sensores possuem carcaça em aço inoxidável, estabilidade durável e alta resistência a esforços mecânicos, térmicos e químicos.

 

Os sensores de temperatura possuem uma enorme linha de aplicação: os novos sensores com os códigos de artigo 7.08369.00.0 a 7.08369.29.0 abrangem cerca de 1.400 tipos de veículos para motores diesel de automóveis de passageiros da Audi, Mercedes-Benz, Opel/Vauxhall, Saab, Seat, Škoda e Volkswagen.

 

Como divisão de vendas para as atividades do mercado de reposição da Rheinmetall Automotive, a Motorservice adquire grande parte do seu portfólio internamente no grupo, incluindo as subsidiárias Kolbenschmidt (KS) e Pierburg. Por ser especialista em peças de reposição, operando internacionalmente, também tem know-how de grande fornecedor global de automóveis, garantindo aos clientes produtos com qualidade OEM.

 

Informação Técnica
Os sensores de temperatura dos gases de escape são indispensáveis nos veículos modernos. Eles monitoram o fluxo quente dos gases de escape e protegem os componentes sensíveis à temperatura, como turbo compressores e todos os tipos de catalisadores, contra o sobreaquecimento. Além disso, monitoram o processo de queima livre do filtro de partículas diesel e a temperatura dos gases de escape no âmbito do on-Board-Diagnosis (OBD). Em caso de sobreaquecimento crítico, a unidade de comando responde com as medidas adequadas para reduzir a temperatura, limitando, por exemplo, o desempenho.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

Leia a versão digital de Novembro da Revista Reparação Automotiva.

18/11/2019

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload