FORD INICIA A PRODUÇÃO DA RANGER RAPTOR NA TAILÂNDIA

11/07/2018

 A Ford iniciou a produção em série da Ranger Raptor, picape off-road de alto desempenho inspirada na F-150 Raptor, na fábrica de Rayong, na Tailândia – veja o vídeo abaixo. O modelo especial será vendido em mercados da Ásia-Pacífico que usam a direção do lado direito.

 

Desenvolvida pela Ford Performance, a Ranger Raptor cria uma nova referência no segmento de picapes médias fora de estrada, com recursos que garantem máximo desempenho em diferentes tipos de terreno. Seu porte é destacado pela altura elevada do solo (28,3 cm), pela bitola mais larga (2,10 m) e pelos excepcionais ângulos de entrada e saída (32,5° e 24°, respectivamente).

 

Tem também suspensão dianteira e traseira reforçada com amortecedores Fox e sistema de gerenciamento de terreno com seis modos de rodagem, incluindo o modo Baja que aumenta a resposta do acelerador para off-road em alta velocidade. Seu motor 2.0 diesel biturbo de quatro cilindros gera uma potência de 213 cv e torque de 51 kgfm, com transmissão automática de 10 velocidades.

Para muitos fãs do off-road ao redor do mundo, a ideia de levar o conceito da F-150 Raptor para a Ranger, mais leve e ágil, era um sonho. Durante o seu desenvolvimento a nova picape rodou no deserto do Outback, na Austrália, e depois foi testada na Califórnia, nas mesmas trilhas do deserto onde nasceu a F-150 Raptor – veja o vídeo abaixo.

 

“É o terreno mais difícil que pudemos encontrar, no mesmo nível das competições de Baja 1000 e do Rally Dakar”, diz Hermann Salenbauch, diretor global da Ford Performance. “É a melhor área do mundo para testar uma picape como essa: se ela sobreviver lá, pode sobreviver em qualquer lugar. A Ranger Raptor excedeu as expectativas e vai mudar para sempre o modo como o mundo define as picapes médias.”

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

Leia a versão digital de Novembro da Revista Reparação Automotiva.

18/11/2019

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload