QUASE UM AVIÃO, A CRIATIVIDADE NOS MOTORES

01/06/2017

Durante várias décadas, os fabricantes de veículos investiram

em novas formas de propulsão, mas quase nada deu certo

 

As montadoras já pensaram em quase tudo ao desenvolver um novo veículo, inclusive usar motores a jato. Conta a história que a primeira investigação séria a respeito ocorreu em 1946, quando os engenheiros Robert Kafka e Robert Engerstein criaram uma turbina para carros. 

 

O JET1, da britânica Rover, foi o primeiro modelo funcional com esse tipo de propulsão. Apresentado em 1950, tinha dois lugares e o motor ficava atrás dos assentos. Nos testes atingiu uma velocidade máxima de 140 km/h, mas o alto consumo inviabilizou o projeto. 

 

Em 1953, a GM montou o Firebird I, que tinha aparência de um jato e por isso muitos pensaram que a propulsão seria tal como a de um avião, porém a turbina impulsionava as rodas traseiras. Nunca foi feito comercialmente, somente para testes e exposições.

 

ROTATIVOS - Outro tipo de motor que a indústria pensou em utilizar, parecido ao dos aviões, foi o tipo rotativo, desenvolvido por Felix Wankel em 1951 e aperfeiçoado por Hanns Dieter Paschke, que o deixou mais simples e funcional.

O primeiro carro comercializado com este tipo de motor foi o esportivo alemão NSU Spider, em 1964. Apesar de oferecer uma ótima relação entre peso, tamanho e potência, o propulsor ficou conhecido pelo alto consumo, desgastes precoces e baixa confiabilidade. 

A Mazda, marca mais conhecida a utilizar este tipo de motor, licenciou a tecnologia em 1961. Mas, diante dos problemas sofridos pela NSU, os japoneses acharam melhor repensar todo o motor antes de lançar o seu primeiro carro. O modelo Cosmo chegou apenas em 1967.

Ao final, mesmo com todo o dinheiro investido por várias marcas (inclusive GM e Mercedes-Benz), os motores Wankel continuaram ruins de consumo e emissões. A Mazda insistiu em usar a tecnologia até 2012, quando o esportivo RX-8 deixou de ser fabricado. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

COMO SE PROTEGER COM A ECONOMIA EM VÁRIOS CENÁRIOS

26/03/2020

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload