ADEUS, COMANDO - As válvulas declaram independência

Pesquisada há décadas, a tecnologia dos motores com sincronismo eletrônico está se tornando uma realidade

 

Em muitos veículos, principalmente os mais caros, o futuro do sincronismo não será a correia e nem a corrente. Cada válvula contará com um atuador e tudo será controlado eletronicamente. Segundo a FreeValve, que pertence à Koenigsegg (fabricante sueca de supercarros), a tecnologia está pronta para ser aplicada.
O sistema desenvolvido pela empresa substitui os comandos mecânicos e todos os seus agregados por um conjunto hidráulico-pneumático controlado com o auxílio de um microprocessador. As válvulas de admissão e escape abrem e fecham de forma independente e com uma precisão nunca antes imaginada.
 

CHINÊS - A pedido da montadora chinesa Qoros, a FreeValve instalou o sistema em um motor 1.6 turbo da marca. Como resultado, obteve um propulsor de 230 cv de potência e torque máximo de 320 Nm. A nova unidade foi instalada em um Qoros 3, exibido no Salão do Automóvel de Guangzhou, na China, em 2016.
Segundo os engenheiros suecos, o motor obteve uma redução de 30% no seu peso, o torque e a potência cresceram até 30% e a redução nas emissões de poluentes atingiu um percentual de 50%. Com o desenvolvimento do programa de testes e os constantes avanços na eletrônica, os ganhos no futuro podem ser ainda maiores.

 

VANTAGENS - De acordo com Christian von Koenigsegg, a nova tecnologia também dispensa o uso da injeção direta de combustível e da válvula wastegate nos motores turbo, o que significa uma boa economia para os fabricantes de veículos. E, caso seja produzido em larga escala, o preço do sistema sem comando cairá muito.
Além disso, Koenigsegg afirma que o FreeValve evita a formulação de material particulado no sistema de exaustão por possibilitar um melhor controle da combustão no cilindro, ao mesmo tempo que permite uma combustão mais “fria”, o que é bom para motores sobrealimentados com uma alta potência específica.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Social Icon
DESTAQUE NA REPARAÇÃO

Leia a versão digital de Novembro da Revista Reparação Automotiva.

18/11/2019

1/3
Please reload

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Please reload