fbpx

Troquei a bateria e agora? O carro não pega o que fazer?

Olá, amigo reparador, tudo bem? Vamos para mais uma edição, com informações técnicas e situações corriqueiras, do dia a dia do reparador automotivo, como a troca da bateria.

TROQUEI A BATERIA E DEU RUIM! E AGORA?

Em edições anteriores, falamos sobre algumas falhas causadas por aplicações de baterias não compatíveis com o sistema eletrônico do veículo.

Pois bem, nesta edição eu falo sobre a troca da bateria que deu errado, ou seja, trocou a bateria e agora o carro não pega.

Já é de conhecimento da classe reparadora, que os veículos atuais são dotados de eletrônica embarcada bem complexa, que muitas vezes se torna um pesadelo nas oficinas. Vou mostrar um fato real, ocorrido aqui na General Tech Automotive Diagnostic.

LAND ROVER DISCOVERY SPORT

Este Discovery, chegou na nossa oficina em plataforma de reboque, pois não funcionava mais após a troca da bateria em outro estabelecimento de reparação automotiva.  Com as pinças de freios desligadas, realizaram o retorno dos motores das pinças com ligação direta em bateria. NÃO FAÇA ISSO!

As pinças de comando elétrico, trabalham com pulsos controlados pela unidade eletrônica, então o tempo e intensidade de tensão elétrica são calculados pela programação da unidade eletrônica. Ao realizar a ligação direta, o reparador pode danificar os motores, pois eles têm custo elevado e o reparador vai precisar arcar com a despesa.

DEFEITO

O veículo, conforme relatado pelo cliente, trocou a bateria, e instalaram uma bateria inapropriada. 

Ele apresentou falhas eletrônicas, então providenciaram a bateria correta que é uma AGM, porém ao ser feita a segunda substituição, o veículo já não partia mais o motor e nem ligava a ignição.

Entenderam que seria um defeito de codificação de chaves, chamaram um profissional que trabalha com chaves codificadas e não houve êxito. Então encaminharam o veículo para General Tech.

DIAGNÓSTICO

Para realizar o diagnóstico em veículos premium, a oficina precisa ter equipamentos de ponta, com acesso aos sistemas embarcados nestes veículos, e formação e informação técnica.

1º. Possuir scanner apropriado

2º. Programa Original Land Rover SDD (dica do nosso amigo DECO- Rodrigo de Azevedo, especialista em Land Rover de Curitiba, Oficina do DECO)

Após acesso com o Scanner, foi identificado falhas de Rede Can, onde é necessário um diagnóstico completo e manual, com utilização de um multímetro para verificar a continuidade do chicote elétrico, resistência da rede e dos módulos eletrônicos.

3º- Diagrama Elétrico OriginalTOPIX, também dica de outro especialista Land Rover, Luiz Fraga da Especialist Land e Jaguar.

Conforme pode ser visto na imagem em corte, cada módulo tem um resistor chamado de terminador, este resistor é de 120 Ohms, e ligados em paralelo na rede chegam no conector OBD II 60 ohms (lei de OHM).

Neste caso, a rede estava aberta, apresentando 120 ohms no conector de diagnóstico. Vale ressaltar que o Land Rover Discovery e Evoque, possuem 4 Redes Can’s no Conector.

Afetando as redes, Segurança e Conveniência, a chave do veículo não é reconhecida, assim não existirá sinal de ignição no veículo. Não ligará nenhum sistema que dependa do sinal de ignição ativo, não acionara trancas elétricas remotamente, o veículo fica inativo.

Atenção, lembrar-se de cada etapa do funcionamento, pois isso é essencial para realizar o diagnóstico correto.

Localizada no porta-malas, lado esquerdo, por trás da caixa de fusíveis, protegida por uma chapa de aço.

Após o reparo, faz-se necessário acesso com o sistema SDD JLR, utilizando a interface J2534 da AUTEL, e reprogramar as chaves do veículo.

FINALIZANDO

Fique atento ao receber veículos com eletrônica embarcada em sua oficina, não realize:

Transferência de carga na bateria,

Coloque bateria convencional,

Adapte acessórios de terceiros,

Aplique ferramentas que não sejam homologadas para estes veículos.

Aguardo você na próxima edição. Até lá!

Leandro Marco
Busque qualificação profissional na General TECH, de Uberaba (MG)
www.generaltechauto.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.