Fatores que prejudicam o funcionamento do cubo de roda – Avaliação
lâmpada grupo universal
Grupo Universal Automotive Systems lança linha de lâmpadas automotivas
23 de agosto de 2021
Tiger Sport 660
Triumph anuncia o desenvolvimento de uma nova motocicleta
24 de agosto de 2021

Fatores que prejudicam o funcionamento do cubo de roda

cubo de roda nakata
Ronco grave vindo das rodas em movimento ou vibração no volante pode indicar comprometimento do componente.

Considerado um dos itens de segurança do veículo, o cubo de roda é responsável pela rolagem das rodas e serve como base para fixação de outros componentes importantes, como discos, tambores de freios e rodas. Muitas vezes, trabalha sincronizado com a junta homocinética, ou seja, ajuda a transmitir o torque do motor para as rodas. “O motorista deve estar atento e evitar alguns hábitos durante a condução do automóvel que podem comprometer o cubo de roda”, comenta Jair Silva, gerente de qualidade e serviços da Nakata.

De acordo com Silva, pancadas da roda no meio fio, trafegar sobre buracos em velocidade incompatível, carregar carga excessiva e circular por vias alagadas comprometem a vida útil do cubo.

Para identificar um cubo de roda danificado o motorista deve observar alguns sinais, como ronco grave vindo das rodas em movimento ou vibração no volante. “Tanto o ruído como a vibração tende a aumentar na medida em que se aumenta a velocidade”, explica Silva, lembrando que é preciso ter atenção e não confundir um problema de empeno do cubo de roda com desbalanceamento da roda.

“Além do desconforto que o ruído de um cubo de roda em mau estado pode provocar, há risco de travamento do rolamento, possibilidade de quebrar e cair a roda e colocando em risco a segurança do veículo”, alerta.

A recomendação é ao surgir qualquer sinal de comprometimento do cubo de roda, o motorista deve procurar o mecânico de confiança para avaliação do componente, pois rodar com o cubo de roda danificado é uma atitude de alto risco.

Para conferir esta e outras dicas de manutenção, basta acessar o YouTube Componentes Nakata (https://www.youtube.com/watch?v=zUItv-vbg44).

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *