Como realizar o diagnóstico para identificar as condições do sistema de direção

Como realizar o diagnóstico para identificar as condições do sistema de direção

Fernanda Giacon – Gerente Sênior de Comunicação e Marketing ZF América do Sul fala sobre o relacionamento da empresa com o reparador
23 de julho de 2021
Sua oficina mecânica não vai crescer sem agendamento
23 de julho de 2021

Como realizar o diagnóstico para identificar as condições do sistema de direção

Comportamento instável do veículo e vibração e ruido estão entre os indícios de comprometimento do sistema de direção.

Projetado para transmitir o movimento do volante até a manga de eixo, fazendo com que as rodas girem, o sistema de direção deve ter especial atenção do motorista na hora da manutenção. Por isso, é importante observar os sinais que podem indicar que uma peça está comprometida.

A Nakata  aponta alguns dos indícios de problemas no sistema de direção e possíveis causas:

  • Comportamento instável do veículo – possível causa folga nos  terminais, geometria de alinhamento fora dos padrões, peças erradas nos sistemas de direção ou suspensão, pneus desgastados;
  • Folga na direção – verificar desgaste de terminais, caixa de direção e  juntas universais da coluna;
  • Direção pesada – verificar calibragem, medida e estado dos pneus, pois pode estar abaixo do recomendado, desgastado ou com a medida errada e  alinhamento  da direção;
  • Vibração no volante – indica problemas dos pneus, rodas e semieixos. Em alguns casos, a falha pode ter origem nos terminais (de direção ou axiais), quando estão muito gastos e com folgas;
  • Impossibilidade de alinhamento – pode estar ligado coxins ou problemas estruturais do veículo
  • Desvios na direção na frenagem – examinar pressão desigual dos pneus, problemas no sistema de freio;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *