O que todo “dono” de oficina precisa saber, antes de abrir o seu negócio

O que todo “dono” de oficina precisa saber, antes de abrir o seu negócio

Ação e (re)ação
27 de janeiro de 2021
O que você precisa em 2021/ Medir sua produtividade!
27 de janeiro de 2021

O que todo “dono” de oficina precisa saber, antes de abrir o seu negócio

Olá Pessoal, inicialmente quero desejar um feliz 2021 a todos, que este ano seja repleto de realizações e muitas conquistas. Seguimos nossa caminhada de reflexão sobre conceitos do que é ser “dono” de uma oficina reparadora de automóveis, para que você possa ter uma visão mais ampla sobre o tema e entender a dinâmica que acontece na sua oficina ou na oficina que você trabalha. Nossa caminhada está baseada na seguinte premissa: O que todo “dono” de oficina deveria saber antes de abrir seu negócio!

Nona dica: Você dar ideias é relativamente simples, quando comparado a tomar decisões. Por isso você deve estudar, refletir, sempre avaliar o cenário e desenvolver um posicionamento de responsabilidade e foco em resultado. Desta forma terás sugestões mais embasadas e com maior credibilidade, facilitando assim a aceitação por parte de gerências e diretorias. Muitas empresas estimulam suas equipes a participarem no processo de melhoria, e isso é uma grande oportunidade de reconhecer talentos na equipe, onde a empresa poderá investir e dar mais oportunidades de crescimento, porém muitos funcionários não enxergam desta forma e acabam não dando importância para esta ação, tratando apenas como uma ação de engajamento da equipe aos objetivos da empresa. Com o resultado desta visão equivocada surgem ideias sem fundamentação, apenas opiniões e muitas vezes sem contexto com o problema a ser resolvido. O mercado está carente de pessoas com “boas” ideias, então treine sempre a dar ideias que tenham mais chances de serem aprovadas, para isso estude os fatos, o cenário, tenha responsabilidade sobre o resultado da sua ideia, pense nas chances de alcançar o resultado pretendido, tenha argumentos que facilite a compreensão da pessoa que irá tomar a decisão (seu coordenador, gerente ou chefe) e compreenda, a pessoa que toma decisão normalmente assume a responsabilidade sobre o resultado, seja positivo ou negativo. Então, ideias com boa fundamentação sempre terão mais chances de serem aprovadas, e quando não forem aprovadas verifique como foi o processo de comunicação, se seus argumentos fazem parte da ideia. Muitos funcionários desistem de dar ideias depois que tiveram ideias rejeitadas, se isolam na frustração e perdem grandes oportunidades de crescimento, não se permita desistir pelo ego, entenda a responsabilidade de tomar uma decisão e você irá melhorar a qualidade de suas ideias. 

RODIMAR MARCHIORI

Diretor da Marchiori Consultoria
Para receber mais dicas de gestão, siga no Instagram, no Facebook, no Youtube. Clique aqui e participe do nosso grupo no Telegram.
Entre em contato com o Rodimar no WhatsApp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *