Oficina Batcaverna, já ouviu falar? – Revista Reparação Automotiva

Oficina Batcaverna, já ouviu falar?

Você já passou na porta, de uma oficina escura?

Que parece uma caverna, piso escuro, pouca iluminação e que você quer enxergar algo e não enxerga nada, e então lá no fundo você vê uma pessoa colocando um guarda pó azul escuro.

Quando essa pessoa chega próximo de você ela as vezes está um pouco amarrotada, com pó de asfalto e graxa, e guarda-pó bem surrado.?!

Qual a impressão que fica para uma mulher? Uma cliente? Já pensou nisso?

Eu como mulher não vou nem sequer entrar num lugar escuro, fechado, que eu não conheço e que não é da minha confiança. Ainda mais eu que sou mineira, desconfiada pra daná (rsrsrs).

Primeiro eu como mulher não entro nesse ambiente por questão de instinto e sobrevivência, sentimos um incomodo e por isso não entramos lá. Para você entender isso que estou te falando imagine a seguinte situação: você ter que entrar em um salão de beleza, cheio de mulher, conversando, rindo, arrumando cabelo e etc, aí você tem que cruzar todo o salão pra ir chamar sua esposa, filha, prima, mãe, sei lá uma mulher da sua família. No mínimo você como Homem fica constrangido, correto!

Essa é a mesma sensação, sentimento de uma mulher ao entrar em uma oficina mecânica, pior ainda se for estilo BatCaverna.

Por isso, se pergunte, o que posso melhorar na minha Oficina para ter um ambiente mais propício para o público Feminino e Diversidade, isso mesmo!

Esse perfil de cliente se sente muito constrangida num lugar assim, elas se sentem reféns e pensam: prefiro pagar mais caro em uma oficina, onde gera mais confiança, que eu vejo que é tudo bonitinho e organizado. Lá eles devem cuidar melhor do meu carro.

Você sabe que esse tipo de cliente (mulher ou diversidade) é um cliente que fideliza e que ainda indica para outra pessoa, porque ela não quer ter mais um problema, ela quer alguém que resolve o problema dela, ela não quer ter dor de cabeça com o carro, ela tem outras coisas pra pensar na vida, como trabalho, filho, marido, hobbies e etc.

Reflita, como você e sua empresa se apresenta?!

Dica da Oficina Amiga: vá nos comerciantes e amigos próximos do bairro e pergunta pra eles sugestões de melhorias da imagem da oficina, com sinceridade total. Se você não sabe ouvir nem pergunta e fica quebrando a cabeça sozinho. E tem mais, pede aquele seu parente ou amigo Chato para te dar um retorno sobre, esse tipo de pessoa são os melhores na sinceridade, e vão te ajudar nesses pontos de melhorias. Ah e não só pergunta pra homens não, pergunta pras mulheres, conhecidas, amigas, amiga da esposa e etc.

Depois compartilha comigo aqui o resultado nos comentários =)

Frase do dia: A verdade Dói, mas compreendida no momento certo pode ser a chave do seu crescimento e sucesso, por Barbara Brier.

BARBARA BRIER

Mineira, Mecânica, Comunicadora e Fundadora da Oficina Amiga da Mulher, uma certificação para Oficinas Mecânicas. Entre em contato com a Barbara Brier no WhatsApp ou no site https://oficinaamigadamulher.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *