Sistema Firewall Automotivo – Parte 02

Sistema Firewall Automotivo – Parte 02

Olá amigos reparadores, nesta segunda parte sobre o Firewall Automotivo, trazemos o Range Rover Evoque, que apresenta algumas particularidades em sua arquitetura eletrônica.

Ranger Rover Evoque

O EVOQUE chegou com grande estilo, conforto, segurança e a qualidade da linha Premium dos veículos ingleses.

Mas, para o reparador que pretende trabalhar com estes veículos é necessário possuir conhecimento técnico, equipamentos adequados e seus STAKEHOLDERS SUPPLY CHAIN bem elaborados. Pois a cadeia de suprimentos e relacionamento técnico no mercado, precisam estar alinhados, pois são veículos que muitas vezes apresentam falhas as quais parecem ser algo tão difícil de resolver, como pode ocorrer ao contrário, parecer ser simples e se tornar um grande entrave na oficina.

Peças e Informações técnicas são os grandes gargalos destas linhas de veículos premium.

Sistemas Embarcados e Interligados em Rede Veicular da Ranger Rover

Apenas neste modelo encontramos 22 unidades eletrônicas que se comunicam entre si, através da REDE CAN BUS de dados.

Vamos por partes:

No interior da cabine, temos 13 dos 22 módulos eletrônicos

E quando um triangulo de avisos aparece no painel de instrumentos, ele traz consigo mensagens, indicando sobre :

  • Bateria da chave de ignição,
  • Falhas do freio de estacionamento,
  • Falhas de controle das portas e bancos,
  • Inúmeros detalhes são descritos por uma mensagem, apresentando um triângulo no painel de Instrumentos

Quando o triângulo estiver em amarelo, a mensagem é apenas de alerta, de atenção, para previnir ao condutor para ficar atento, pois algum item exige cuidado. E quando ele acende na cor vermelha, indica a necessidade de procurar uma oficina especializada para manutenção imediatamente.

No painel central, temos a multímidia completa, com camera de ré, que não aceita adaptação de câmeras paralelas, pois a original, possui comunicação por rede, e acompanha os movimentos direciionais do veículo, virando a imagem conforme o condutor direciona a traseira do veículo.

No console, temos os comandos de marcha, e indicadores dos itens de segurança como tração, estabilidade e freio de estacionamento.

Os bancos de ambos os lados, são com ajustes e memória eletrônica de posições escolhidas pelo condutor e passageiro. Mas, o segredo para nós reparadores está por debaixo deles:

Sob, cada banco dianteiro, há uma unidade central eletrônica, que comanda todas as funções dos bancos e ainda uma unidade de controle do sistema de estacionamento e câmera de ré, sob o banco do motorista.

Nas portas está a unidade de controle dos vidros e retrovisores.

Junto a tampa do porta malas esta o módulo de controle de abertura. Ele controla a abertura e o fechamento do mesmo. Esta tecnologia é encontrada em alguns carros de outras marcas como:  Audi modelo Q, Toyota Hilux e SW 4. Vale ressaltar que se deve tomar o máximo de cuidado na oficina para não realizar a abertura e fechamento forçados, como se fossem um porta malas comum , pois poderá acarretar danos irreversíveis aos sistemas. Um amortecedor  elétrico do SW4 que é o mais barato desta lista, custa em média R$3800,00.

Vamos aos defeitos apresentados por esta máquina? O veículo chegou na oficina sem funcionar a chave de presença, e o telecomando que tranca as portas.

Todos relacionados a Rede Can (confira na edição passada 146-novembro, a descrição dos cósdigos de REDE CAN U).

Causa?

Falha na tranca elétrica da porta do motorista, sistema  em curto.

Um curto circuito no sistema da fechadura da porta do motorista gerou todos estes transtornos, e indicações de falhas da rede de comunicação entre as centrais eletrônicas. O reparador deve sempre lembrar que a rede de

comunicação de dados CAN BUS, é ligada por nós, onde um nó de segurança poode acarretar outras falhas, obrigando o motorista a conduzir o veículo a manutenção.

Na próxima edição iremos trazer os sinais elétricos obtidos com osciloscópio nas redes de comunicação automotiva.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *